10 jul 2015

Já falei para vocês que a primeira viagem internacional da Giovanna foi para a Disney.  Por isso, o primeiro destino a ter dicas aqui no blog será justamente “where dreams come true”.

Na nossa viagem Giovanna tinha apenas um ano e meio, mas isso não quer dizer que não tenha valido a pena e que ela não tenha aproveitado MUITO. Porém, isso é tema para outro post.

Hoje eu quero compartilhar com vocês algumas ideias de como contar para seus filhos que vocês irão para Disney.

Essa é uma viagem das mais esperadas pelas crianças, então nada melhor que começar a farra desde o início.  Não é?

Que tal receber seus filhos da escola ou preparar a casa para dar a noticia de manhã com quadrinhos espalhados pela casa, como esse:

quadrinho cant keep calm

 

Ou deixá-la toda enfeitada com o tema do personagem preferido?

vamos para a disney

Uma coisa muito legal de se fazer é uma contagem regressiva.  Aqui, algumas ideias para você fazer a sua contagem em casa!

1) Elos com personagens:  você deve imprimir, cortar e unir tantos elos quantos forem os dias que faltam para a viagem.  A medida que os dias passam as crianças vão tirando um elo. Até chegar o dia da viagem!

contagem regressiva disney

http://www.thepurplepumpkinblog.co.uk/

contagem regressiva disney 2

http://toysinthedryer.com

2) Quadrinho para escrever os dias faltantes – Basta colocar num porta retrato e escrever no vidro com caneta (que apague), e ir fazendo a contagem regressiva dia a dia.

all-for-the-memories-disneyworld-countdown1

http://allforthememories.com/

contagem reg 3

 

3) Para os últimos dias uma contagem especial:

numeraçao

Para baixar e imprimir os números de personagens clique aqui.

Gostou?

E você?  Costuma usar alguma forma diferente e divertida para esperar o dia D com seus filhos?  Conta pra gente!

Bjs

escrito por Fernanda
3 Comentários / Compartilhe:
Tags: , ,
11 jun 2015

Nossa série de posts sobre viagens com bebê de colo começou com a minha experiência com elas. Você leu?

Hoje vamos falar sobre o que levar na bagagem de mão, para a sua viagem ser a mais tranquila possível.

surprised Baby in red suitcase

Imagem: superworkingmum.ca

Viajar de avião com bebês não é a tarefa mais fácil do mundo.  A gente sempre fica ansiosa, com receio do bebê começar a gritar e não parar mais… Afinal, já fomos passageiras sem bebê e com certeza já ficamos incomodadas com o bebê que resolveu abrir o berreiro na fileira da frente, não é?

Para que você faça uma viagem mais tranquila, sugiro que você tenha uma mala de mão abastecida, com tudo o que você possa eventualmente precisar.

Vamos fazer juntas uma super lista?  Preparei uma lista inicial que você pode complementar nos comentários (vou atualizando o post na medida do possível).

  • Uma ou duas mamadeiras
  • Leite artificial (se for o caso)
  • Comida para seu filho. Leve as papinhas prontas para serem oferecidas.  Caso você tenha aqueles potes térmicos que garantem que a comida permaneça aquecida por horas, não pense duas vezes.  Use-os.
  • Fraldas (eu levava o dobro do que a Giovanna costumava usar para a duração da viagem).
  • Lenços umedecidos. Na verdade eles são item indispensável em qualquer bolsa de mãe, não é? Eles serão úteis em muitas mais ocasiões do que a troca de fraldas. O bebê pode golfar, vomitar, derramar suco, leite… Enfim.  São tantas as possibilidades.  Você não vai querer sair da cadeira a toda hora com ele no colo (ainda mais se for no meio da noite!). Portanto, se possível, leve dois pacotes, para garantir, em caso de viagens longas.
  • Caso o bebê use chupetas, elas serão muito importantes.  Na hora da decolagem e aterrisagem ele deve estar fazendo movimentos de sucção para evitar dores nos ouvidos durante a viagem.  Por isso, se você não estiver amamentando, dê a chupeta ou a mamadeira.
  • Panos de boca. Ótimos aliados para todas as ocasiões.
  • Duas mudas de roupa (dependendo da duração da viagem, até três).
  • Remédios que o bebê está acostumado a tomar. Pergunte ao seu pediatra se ele recomenda algum remédio para acalmar o bebê, caso a situação fique extremamente desconfortável para ele.  Não use absolutamente nada sem falara antes com o pediatra do seu filho.
  • Roupa quentinha, como um casaco ou uma coberta, para quando o ar condicionado ficar muito forte.
  • Travesseiro (caso ele use)
  • Álcool gel (pequeno, para não correr o risco de vetarem a entrada na aeronave)
  • Sacolas plásticas, para ir jogando o lixo fora e mais uma vez não ter que sair do seu assento toda hora que tiver um lenço umedecido sujo…
  • Kit brincadeiras – Da primeira vez que viajei de avião com a Giovanna, ela tinha uns 10 meses. Então levei livrinhos pequenos e um brinquedinho que ela amava, além de uma pelúcia pequena.  Já da última vez, que ela estava com 1 ano e 11 meses, levei um livrinho, massinha de modelar, um livro de colorir, giz de cera e um livro.  Leve muita criatividade para distrair seu filho.  Procure não levar brinquedos que façam barulhos, porque nesse caso, os passageiros a sua volta terão razão em ficar incomodados.

Lembre-se que seu filho é um bebê.  Ele pode ficar entediado com uma viagem longa, chorar, gritar.  Seu papel é confortá-lo e distraí-lo.

Esqueci algum item na nossa lista?  Comente!

Boa viagem.

escrito por Fernanda
0 Comentários / Compartilhe:
Tags: , ,