08 jun 2015

7 conselhos para organizar o enxoval do bebê

post-enxoval

O enxoval do bebê é uma das partes preferidas pelas mães com a chegada do bebê. Ele é montando através das compras feitas pelos pais e com presentes de familiares e amigos. Alguns itens são dados no famoso chá de bebê, já tem post aqui no blog dando 13 dicas para organizar seu chá de bebê, outros são comprados pelo pais durante a gestação. Também é comum que os pais viagem para o exterior para montar o enxoval ou as crianças “recebam” de herança, pertences dos irmãos mais velhos. Fora o enxoval, existe outras coisas que devem ser organizadas para a chegada do bebê, se ainda não viu, confira o post.

O importante é garantir que o enxoval esteja completo e que seja funcional e prático. No meu blog eu disponibilizo uma lista de enxoval gratuitamente para baixar. Agora vamos aos 7 conselhos que te guiarão na montagem do enxoval:

1º) Planejamento: Faça uma lista do que precisa e uma estimativa de quanto pretende gastar com as compras para o bebê. Monte uma wishilist do que precisa e do que gostaria de comprar, ou seja, seus desejos. Ao analisar o budget irá saber onde deve investir. Aproveite para fazer a lista do chá de bebê, assim não corre o risco de receber presentes repetidos.

2º) Pesquisa: Garanta que não irá comprar coisas desnecessárias ou inúteis. Converse com outras mães ou pesquise na internet objetos realmente úteis que podem te ajudar em cada fase. Blogs, revistas e TV ajudam, mas cuidado com propagandas que querem apenas vender os produtos.

3º) Doações: Não é pecado usar roupas de outras crianças, muitas delas foram usadas poucas vezes ou nem foram usadas. Se tiver algum parente ou amigo que tenha coisas de bebê para doar, aceite sem problemas, é um excelente oportunidade de economizar. Roupas, brinquedos e móveis são muito bem-vindos.

4º) Desejos: claro que você quer caprichar e comprar tudo do melhor, e que existem aqueles objetos que queremos muito, você pode e deve ter os seus próprios caprichos, só cuidado para não exagerar. Lembre-se que assim como existe o “mercado” do casamento existe o de bebês também.

5º) Praticidade: Use cestinhas para organizar produtos que serão usados todos os dias para troca de fralda na cômoda ou trocador, deixe sempre tudo a mão. Tire as fraldas do pacote e organize na vertical para facilitar. As roupas que serão usadas diariamente devem ficar por perto, já aquelas de festas ou especiais podem ficam guardadas em locais menos acessíveis.

6º) Limpeza: Antes da chegada do bebê é necessário lavar, passar e guardar todas as roupas. Recomenda-se que pelo sétimo mês de gravidez, já inicie esse processo. Use sabão de coco ou neutro, nada de outros produtos como amaciantes, alvejantes, sabão em pó ou removedor de mancha. Pode-se usar máquina de lavar, porém as peças delicadas devem ser lavadas a mão. Lave as roupas separadas do restante da casa.

7º) Organização: Separe as roupas por idade (recém-nascido, 1 mês, 2 meses, 3 meses, etc.) e tipo (bodies, mijões, etc.).

  • Use uma tesoura para cortar etiquetas que podem vir a incomodar o bebê, mas cuidado, elas geralmente vem com a indicação da idade do bebê, e se você cortar antes de separar não ira saber;
  • O kit higiene onde consta a garrafa térmica, algodão, pomada, etc., devem ficar próximo ao trocador;
  • Guarde na primeira gaveta do trocador tudo que irá usar para a troca de fraldas;
  • Guarde em uma das gavetas: as meias, panos de boca, fraldas de pano, babadores, etc.;
  • Guarde em outra gaveta as roupas separadas por tipo e tamanho;
  • As roupas que não correspondem a idade atual, deixe guardada nas partes mais altas do armário para quando for necessário;
  • Guarde lençóis e toalhas no armário. Lembre-se de destinar um espaço para roupas de cama e banho do bebê, conjunto guarda junto;
  • Dobre todas as roupas do mesmo tamanho para ficar fácil de encontrar;
  • Os bodies devem ser dobrados em três, os macacões com as pernas para dentro também em três, nas calças pequenas, o vinco de todas devem ficar para o mesmo lado. Lembre-se que conforme a criança cresce, aumenta o número de dobras.
  • Existem plaquinhas que pode ser colocadas no cabideiro para separar as idades.

Acompanhe o crescimento do seu filho e vá verificando as necessidades conforme ele for crescendo.

Espero que tenham gostado das dicas, aproveite esse momento e curta bastante!

Assitaura post Kalinka

 

escrito por Kalinka Carvalho
0 Comentários / Compartilhe:
Tags: , , , ,
Deixe um comentário