24 set 2015

3 ideias que vão ajudar a balancear a dieta do seu filho

como ajudar seu filho a comer melhor

“Uma dieta balanceada é importante para todos principalmente quando o assunto é saúde, mas esse assunto é duplamente importante quando falamos de crianças.

Nem sempre quando oferecemos opções balanceadas e saudáveis ​​na hora da refeição temos a certeza que as crianças vão realmente comer, não é?

Se a solução para esse problema é a famosa frase: “Não vai comer nada de gostoso se não comer o brócolis!, você está indo para o caminho errado. Essa atitude só vai reforçar a criança a não querer provar.

Vou dividir com vocês 3 estratégias que funcionaram muito bem na minha casa:

  1. Descubra em qual das refeições seu filho se alimenta melhor

Por exemplo, o meu filho Pedro de quase 6 anos, se alimenta muito bem no café da manha. Por isso, tento oferecer a ele opções balanceadas como cereais, leite e frutas logo de manhã, assim uma refeição não tão balanceada no resto dia não será tão prejudicial. 

  1. Deixe a comida divertida

Para uma criança de três anos de idade , um prato cheio de legumes pode não parecer muito emocionante. Alterar essa percepção pode trazer para os seu filho uma nova maneira de perceber o alimento e claro… se divertir comendo! Tente fazer uma apresentação divertida como um espetinho de legumes com molhos divertidos.

   3.    Apresente novos alimentos com sabores que seus filhos estão familiarizados  

Apresentando um novo alimento com uma nova combinação de sabores ao mesmo tempo pode ser difícil para pequenas bocas aceitarem, por isso, considere um meio termo.

Incorporar sabores que eles estão acostumados e apreciam pode ser a grande chave para o sucesso ou fracasso da apresentação de um novo ingrediente. A primeira impressão é muito importante quando falamos de introduzir novos alimentos por isso, ele gosta, por exemplo, de manga e a ideia é introduzir o salmão, que tal fazer um salmão com molho de manga?

 

Adriana de Paula Assinatura

 

 

 

escrito por Adriana de Paula
0 Comentários / Compartilhe:
Tags: , ,
Deixe um comentário